Saiba mais sobre as Boas Práticas de Fabricação de Ração

  •   
  •   
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

fabricaRacaoAs boas práticas de fabricação de ração (BPF), de acordo com definição do Sindicato Nacional dos Fabricantes de Rações – SINDIRAÇÕES, são procedimentos necessários para garantir a conformidade e inocuidade dos produtos para o animal, o homem e o ambiente.

O programa de BPF tem como objetivo de maneira geral: garantia da qualidade nutricional dos alimentos, evitando a contaminação química, biológica ou física; garantia da rastreabilidade; garantia do controle dos processos, padronizando os procedimentos e reduzindo os custos; projeto/fluxograma de prédios e instalações; equipamentos e utensílios que garantam a higiene e limpeza; procedimento de limpeza e desinfecção dos equipamentos e instalações; conscientização sobre higiene pessoal; programa de erradicação de pragas; entre outros.

Para a produção de alimentos seguros é preciso tomar cuidados como: boas práticas agropecuárias, veterinárias e produção; uso responsável de medicamentos; bem estar animal e responsabilidade com inocuidade e qualidade.

O Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento – MAPA, é o órgão responsável por fiscalizar e oferecer o registro para os estabelecimentos que fabricam, fracionam, importam, exportam e comercializam rações. O MAPA em como principal objetivo a garantia das condições adequadas de higiene durante os processos de fabricação, conformidade e inocuidade dos produtos, e também a segurança e rastreabilidade dos produtos destinados à importação e exportação.

 

Fonte: www.aviculturaindustrial.com.br

Conheça os benefícios para o município e sua região com a implantação de uma indústria de rações no município.

Saiba mais sobre os aspectos gerenciais de indústrias de rações e suplementos.

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •  

Atualizado em: 13 de abril de 2015