Governador de Mato Grosso defende trabalho junto ao governo federal para consolidação da suinocultura

  •   
  •   
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Na solenidade de posse da diretoria da Associação dos Criadores de Suínos de Mato Grosso (Acrismat), realizada na quinta-feira, dia 22, o governador de Mato Grosso, Silval Barbosa, falou sobre os desafios enfrentados pela suinocultura da região.

De acordo com o governador, o Estado precisa trabalhar junto ao governo federal para consolidar essa cadeia produtiva tão importante na geração de empregos e de renda, a partir de uma política de longo prazo para o segmento.

Barbosa também parabenizou a Acrismat e reconheceu a importância do trabalho da associação para o crescimento do setor. “Graças aos investimentos que os produtores realizaram, sempre com apoio do governo, a melhor tecnologia de produção com certeza está aqui em Mato Grosso”, afirmou Barbosa.

Além da posse da nova diretoria, o evento comemorou os 20 anos de fundação da entidade, que tem como meta o desenvolvimento e consolidação da cadeia produtiva da suinocultura.

O presidente da Acrismat, Paulo César Lucion, lembrou no evento que as primeiras granjas dotadas de tecnologias para produção de suínos em Mato Grosso começaram a funcionar no início da década de 1990, com o objetivo de agregar valor aos grãos produzidos na região. De acordo com ele, foi somente a partir da implantação do Programa Granja de Qualidade, em 1995, que o setor deu um salto de produtividade e qualidade, abrindo as portas do mercado externo.

Lucion afirmou também que a parceria do governo do Mato Grosso com a associação é importante, principalmente, para esclarecer os mitos sobre a carne suína e divulgar o produto, medidas que podem impulsionar o consumo da carne no mercado interno. De acordo com Lucion, a presença do governador Silval Barbosa no evento, demonstra que o governo estadual está empenhado em apoiar o setor.

O senador José Aparecido (Cidinho), também presente na solenidade, afirmou que a parceria dos governos estadual e federal com o setor precisa ser ampliada para que o setor se estabilize no mercado interno, uma vez que as exportações seguem instáveis por conta das crises dos países importadores. De acordo ainda com o senador, a cadeia da suinocultura deve muito de seu crescimento aos incentivos fiscais do governo do Estado.

Fonte: Pecuária Rural

Adaptação: Portal Suínos e Aves

Conheça o Curso de Planejamento e Administração de Suinocultura

 

Veja outras publicações da Portal suínos e aves:

Os ovos de pata e codorna querem seu lugar à mesa

Para o cigarro tudo. Para a suinocultura nada.

veja como funiona a produção de ovos em cruzeiro do sul

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •  

Atualizado em: 26 de novembro de 2012