Etapas do abate de frango de corte

  •   
  •   
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Durante o manejo de pré-abate muitos fatores podem afetar a qualidade da carcaça, assim é preciso ter conhecimento e estabelecer práticas de manejo e bem-estar dos animais, visando à obtenção de carcaça de alta qualidade.

O jejum é das aves reduz o rico de contaminação fecal na planta de abate. O alimento deve ser suspenso entre 8 a 12 horas antes do horário programado do abate. A água deve ser oferecida a todo o momento. O processo de retirada dos alimentos deve ser conduzido de forma equilibrada, considerando o bem estar dos animais durante todo o tempo; estar alinhado com os padrões alimentares normais do lote; dar tempo para as aves consumirem todo o alimento dos comedouros; permitir que o trato gastrointestinal se esvazie sem que ocorra uma perda de peso expressiva.

Durante a apanha das aves é preciso diminuir a luminosidade, controlar e evitar a ventilação cuidadosamente para evitar o estresse por calor, apanhar os animais com cuidados para evitar lesões.

O transporte das aves deve ser feito com veículos apropriados, contendo: proteção adequada do clima e boa ventilação e estar de acordo com a legislação e as normas locais vigentes. Durante o transporte caso seja necessário, deve-se usar a ventilação de aquecimento/resfriamento; minimizar as paradas, distância e o tempo de transporte; e seguir a legislação e as normas vigentes.

O manejo ideal das aves antes do abate proporciona a transição com sucesso desde a granja até o abatedouro, aumentando o bem estar dos animais, a qualidade da carcaça e a rentabilidade do lote.

Fonte: AVIAGEN BRIEF, fevereiro 2013

Conheça as principais ferramentas e métodos para a realização correta do abate de frangos de corte. Veja aqui!

Exigência nutricional e a ração ideal para o consumo de frangos de corte. Clique aqui!

 

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •  

Atualizado em: 23 de dezembro de 2015