Estimulação visual e sonora melhora a produtividade das pintainhas

  •   
  •   
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

As primeiras semanas de criação de pintainhas são determinantes para os ganhos produtivos de uma avicultura. Neste período, é preciso que o produtor tome alguns cuidados e invista em alguns procedimentos que irão garantir ganhos futuros.

Nesta fase acontece a formação dos sistemas digestivos, imunológicos, dentre outros dos animais. Por isso, quanto mais cedo for realizado um plano de nutrição, mais possibilidade de desenvolvimento.

Atrelado a isso está à importância da estimulação sonora entre mãe e filhote, antes mesmo da eclosão, ou mesmo por meio de gravações.

Como já foi comprovado através de inúmeros estudos, tal comunicação contribui de forma substancial para a formação embrionária e, depois do nascimento, na potencialização do comportamento e conversão alimentar, aumentando o consumo de ração e, consequentemente, no ganho de peso.

Desta forma, os pintainhos emitem sons em resposta aos estímulos, o que proporcionam ainda a melhoria de índices zootécnicos.

Aliado a isso, é importante que os produtores inibam, na medida do possível, os ruídos de motores ou similares das aviculturas, sendo que os sons desta natureza podem estressar os animais, gerando perdas produtivas.

 

Entenda mais sobre a nutrição das aves e se atualize. Clique aqui.

Fonte: Avicultura Industrial

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •  

Atualizado em: 18 de outubro de 2016