Como controlar o “estresse” na produção de frangos de corte

  •   
  •   
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

  As novas tecnologias proporcionam obtenção de aviários confortáveis aumentando o potencial da produção. Para o alcance do conforto necessário, é preciso um sistema de dados climáticos da região de criação, levando em conta as exigências das aves, para que possa garantir o conforto térmico a menor custo.

Devido às altas temperaturas no Brasil e a grande intensidade de radiação, há um grande aumento do estresse dos frangos de corte. Sendo que quanto maior a criação, maior é o estresse dentro do aviário.

A solução está em equipamentos para controle de ventilação e resfriamento do ar, ventiladores e nebulizadores, túnel de ventilação. Outra medida adotada para se evitar o estresse é o resfriamento da água. Para melhores resultados e maior retorno econômico os efeitos adversos do clima sobre os animais devem ser evitados.

 

Fonte: http://www.agencia.cnptia.embrapa.br/gestor/frango_de_corte/arvore/CONT000fc6ggago02wx5eo0a2ndxyernkww7.html

Você conhece as etapas e as principais ferramentas para realização correta do abate de frangos? Veja aqui.

Você conhece a legislação que regulamenta a atividade de fabricação de rações no Brasil? Confira aqui.

 

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •  

Atualizado em: 22 de março de 2016