Bom desempenho de uma suinocultura

  •   
  •   
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

Para um bom desempenho de uma suinocultura moderna precisamos de uma boa genética, nutrição balanceada, instalações de qualidade e sanidade e manejo em dia.

O Melhoramento genético na suinocultura é essencial, por isso devemos utilizar as melhores matrizes e reprodutores para consequentemente ter bons cruzamentos e resultados satisfatórios, como a geração de mais leitões por matriz, com a finalidade de criação escolhida pelo produtor.

As instalações construídas terão que permitir um manejo adequado, melhor racionalização da mão de obra, e dimensionada com a finalidade de criação, sendo modernas e funcionais.

A nutrição terá que ser compatível com o material genético utilizado na suinocultura. Deve ter ingredientes de qualidade para a ração e com uma especificidade dos grupos divididos na suinocultura, como por exemplo, a creche e matrizes, que exige rações diferentes para cada grupo. Tais fatores são fundamentais para um melhor ganho de peso, qualidade da carcaça, dentre outros.

O status sanitário da suinocultura é um fator muito importante na prevenção de doenças que podem afetar o rebanho. Além de uma boa higiene e um manejo sanitário de qualidade, é essencial que esteja em dia a vacinação, que com certeza aumentará a produção e qualidade do rebanho.

Podemos afirmar que 80% do sucesso de uma suinocultura, depende exclusivamente do manejo, e que este será adotado, em função dos quatro itens acima relacionados: Genética, Nutrição, Instalações e Sanidade.

 

 

 

Fonte: Sos suinos

Adaptação: Portal Suínos e Aves

 

 

 

Conheça o Curso de Planejamento e Administração de Suinocultura

Veja outras publicações da Portal suínos e aves:

Ovo e “colesterol bom”: qual a relação?

Carne de frango – opção mais saudável

Previsão de crescimento produtivo e exportação de carne suína brasileira

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •  

Atualizado em: 11 de maio de 2012