Alimentação líquida para suínos é a nova tendência do mercado

  •   
  •   
  •  
  •  
  •  
  •  
  •  

A alimentação líquida voltada para suínos é uma tendência mundial em virtude de seus ganhos na produtividade, voltadas para algo em torno de 7%, sendo cada vez mais crescente, sobretudo na União Europeia e Estados Unidos.

Apesar desta constatação, no Brasil ainda é incipiente o uso deste avanço em prol das suinoculturas, sendo que somente alguns produtores vêm empregando este conhecimento.

Especialistas do segmento apontam que o suinocultor brasileiro é apegado aos procedimentos tradicionais, sendo inseguro na utilização de novos métodos, e possui receio em arriscar em uma metodologia criada por terceiros.

Os produtores brasileiros que romperam esta barreira começaram a mudar, há cerca de 15 anos a alimentação de seus planteis para a nutrição líquida, sendo pioneiros.

Orientado por empresas alemãs altamente qualificadas, conseguiram converter os recipientes para a alimentação líquida e o que é melhor, reduziu em até 50% a dependência do preço do milho, sempre oscilando, a ponto de até inviabilizar alguns empreendimentos.

A alimentação líquida para suínos precisa de alguns investimentos, sobretudo em conhecimento, com vistas à garantia da mudança do paradigma nutricional atual para um modelo totalmente inovador, de resultados, e adaptado aos novos tempos.

 

Saiba mais sobre os novos métodos com intuito de modernizar e agregar valor a suinocultura. Clique aqui.

Fonte: Suinocultura Industrial

  •  
  •  
  •  
  •  
  •  
  •   
  •  

Atualizado em: 31 de outubro de 2016