Pulorose ou diarreia branca em frangos de corte

Uma das enfermidades mais comuns na avicultura é sem dúvidas a pulorose ou diarreia branca. Uma moléstia que acomete as aves, especialmente as mais jovens, a doença é causada pela Salmonella Pullorum, bactéria que pode sobreviver até onze semanas em camas novas e até três semanas em camas antigas, fato que agrava o contágio entre os animais.

As principais fontes de transmissão são através dos ovos, fezes, alimentos, água e cama contaminada pela salmonella, mas também é transmissível através de pessoas, animais e insetos.

Os sinais mais evidentes da doença são caracterizados pela sonolência, perda de apetite, fraqueza, amontoamento, diarreia de coloração branca, asas caídas e dependendo do agravamento do caso, pode ocorrer morte súbita. As aves adultas apresentam rápida queda na produção de ovos.

O diagnóstico da doença é feito por meio de exames sorológicos, e as aves doentes são tratadas com medicamentos específicos, entretanto sempre serão portadores do bacilo, assim devem ser sacrificadas para evitar a proliferação entre os outros animais.

Portanto, a melhor maneira de se evitar o aparecimento e contágio da doença em todo o plantel, é a prevenção através da limpeza, desinfecção, controle de insetos, roedores e pássaros no aviário.

Dessa forma o manejo com a ambiência é essencial para garantir saúde e bem-estar dos animais, focando no processo de obtenção das características desejáveis.

Alcançar o sucesso de todo investimento e evitar empecilhos como a pulorose ou diarreia branca tem sido objetivos cada vez mais comuns na criação de frangos de corte, não é mesmo?

Outro ponto importante é sobre as medidas de biosseguridade mais comuns como, por exemplo, os programas de vacinação, doenças e manejo de resíduos da granja.

E você por acaso sabe quais os padrões deve seguir para obter um desenvolvimento eficiente de sua produção e não perder o dinheiro investido?

Existem muitos detalhes que fazem a diferença e cada produção merece atenção especial, com suas peculiaridades e necessidades. Por isso, o caminho do sucesso é a busca constante por conhecimento e troca de experiências.

Para você, que está atrás de melhorias e quer atingir o melhor da sua produção, uma boa dica é a capacitação com quem entende do assunto:

Garanta o sucesso de todo seu investimento e ganhe mais. Confira.

Fonte: Portal Suínos e Aves

Areas

Aves

Aves de postura

Clínica e Cirurgia

Comércio

Curiosidades

Destaques

Instalações

Notícias

Parceiros

Produção

Raças

Sanidade

Saúde Pública

Sustentabilidade

Sites relacionados
Revista Veterinária Revista Veterinária Revista Agropecuária Tecnologia e Florestas
© 2017 Portal Suínos e Aves . Todos os Direitos Reservados.