Alimentos alternativos para suínos

A alta do milho e do farelo de soja, produtos principais na composição alimentar do suíno, e com uma projeção média de 70% de impacto nos custos de produção, tem levado o empresários do setor a repensar sobre fontes alternativas de alimentação para o animal.  

Uma destes produtos é a raiz da mandioca, seja ela raspada ou em formato de farinha, opção que possui fontes de proteína, mas que precisam ser complementadas com outros alimentos.

A banana, bem como o tronco e as folhas das bananeiras, podem também serem aproveitadas por possuírem valores nutritivos desejáveis.

Já o caldo da cana-de-açúcar pode ser aproveitado pelos animais, que costuma rejeitar o seu bagaço. 

Hortas e frutas também possuem inclusive uma relação “amiga” com os porcos, que se alimentam delas e também fornecem adubagem para as mesmas.

 Temos ainda as folhas do Rami, um tipo de planta apreciada pelos suínos, e que contém alguma quantidade de proteína e vitamina, bem como a silagem de milho, suplemento com 40% do valor proteico diário necessário para o animal.

Estes alimentos podem reduzir em até 40% o valor da produção, de acordo com especialistas.

Entretanto, somente um médico veterinário, especializado em nutrição, poderá manipular e equilibrar esta alimentação de maneira que os nutrientes necessários para o crescimento e saúde do animal estejam garantidos e alcance as exigências mínimas.

 

A alimentação desses animais e qualidade de vida é o que garante ao produtor sucesso no mercado. Saiba mais.

Fonte: Suinocultura

Artigos

Comércio

Curiosidades

Notícias

Nutrição

Suínos

Sites relacionados
Revista Veterinária Revista Veterinária Revista Agropecuária Tecnologia e Florestas
© 2018 Portal Suínos e Aves . Todos os Direitos Reservados.